Fenabrave-SC participa da Campanha “BR-470 – Sem duplicação não tem reeleição” | Fenabrave SC – Regional Fenabrave Santa Catarina

Fenabrave-SC participa da Campanha “BR-470 – Sem duplicação não tem reeleição”

Com o objetivo de pressionar autoridades catarinenses para que cobrem agilidade do
governo federal para as obras de duplicação da BR-470 será lançada a campanha “Sem
duplicação não tem reeleição”, no dia 8 de agosto de 2017.

Encabeçada pelo Comitê da Duplicação da BR-470, que reúne lideranças empresariais
e entidades de classe do Vale do Itajaí, a campanha consiste na colocação de 16
painéis no trajeto de 73 quilômetros da rodovia, entre Navegantes e Indaial, trecho
onde as obras da duplicação estão em ritmo lento e mais 3 painéis próximos ao
município de Rio do Sul, que também possui campanha de duplicação de toda a BR. A
campanha “Sem duplicação não tem reeleição” segue por seis meses.

A Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores – Regional de Santa
Catarina (Fenabrave-SC) participa da campanha e terá sua logomarca nos painéis. A
Fenabrave-SC apoia esta iniciativa por tratar-se de um eixo estratégico para a logística
catarinense, sobretudo por ser um acesso ao principal porto do Estado, o de Itajaí.

Além disso, vários diagnósticos comprovam que esta obra de duplicação da BR-470 é
uma das obras de infraestrutura mais urgentes para o escoamento da produção
catarinense e integração de toda a região do Vale do Itajaí. A atual situação de
sobrecarga e de má condição da rodovia ocasiona atrasos nas entregas de
mercadorias, e gera riscos para a população que trafega nesta estrada.

A campanha “Sem duplicação não tem reeleição”, pede também por estudos de
concessão da Rodovia para a iniciativa privada e solicita reunião com o senador Dalírio
Beber (PSDB) e com o deputado João Paulo Kleinubing (PSD) para cobrar audiência
com o ministro dos Transportes, Mauricio Quintella.

Conforme o Comitê da Duplicação da BR-470, não há nenhuma estimativa confiável de
prazo para a finalização das obras, por isso a mobilização empresarial e política é
fundamental.

Discussion — No responses