Emplacamentos de veículos crescem 13,35% em julho | Fenabrave SC – Regional Fenabrave Santa Catarina

Emplacamentos de veículos crescem 13,35% em julho

 

O desempenho do setor automotivo foi divulgado hoje (01), pela Fenabrave – Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores, entidade que representa mais de 7.700 concessionárias no Brasil.

As vendas de todos os segmentos somados (automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, motocicletas, implementos rodoviários e outros, como carretinhas para transporte) apresentaram crescimento de 13,35% em julho na comparação com o mês anterior. Foram emplacadas 436.689 unidades em julho, contra 385.271 em junho. Se comparado às vendas do setor automotivo com o mês de julho/2013, o resultado geral apresentou retração de 12,61% nos emplacamentos. Também houve retração no acumulado do ano. Entre janeiro e julho de 2014 houve queda de 7,50% sobre o acumulado de 2013.

Os segmentos de automóveis e comerciais leves apresentaram bom desempenho em julho, com crescimento de 11,64% sobre junho.  Foram emplacadas 279.815 unidades, contra 250.637 em junho. “Apesar dos últimos meses terem apresentado queda nas vendas, o mês de julho foi positivo para todos os segmentos, inclusive para os setores de automóveis e comerciais leves, pois tivemos 22 dias úteis contra 18 dias no mês anterior. Isso, mesmo considerando o feriado estadual em São Paulo, em 9 de julho (Revolução Constitucionalista), e os dias de jogos da Copa”, comentou Flavio Meneghetti, presidente da Fenabrave.

A recuperação do setor, no segundo semestre, já havia sido prevista pela Fenabrave, que estimou aumento médio de 5% ao mês até o final deste ano.

Desempenho de cada segmento:

Automóveis e Comerciais Leves: As vendas de automóveis e comerciais leves somaram 279.815 unidades em julho, volume que representa crescimento de 11,64% sobre as 250.637 unidades comercializadas em junho. Na comparação com julho/2013 (323.917 unidades), os segmentos registraram queda de 13,62%. No acumulado de janeiro a julho, houve retração de 8,33% sobre os resultados de 2013.

Caminhões e Ônibus: Os emplacamentos de caminhões apresentaram crescimento de 16,74% na comparação com junho. Foram licenciadas 12.492 unidades em julho, contra 10.701 caminhões no mês anterior. Na comparação com julho de 2013, quando foram negociadas 15.230 unidades, o segmento apresentou queda de 17,98%. No acumulado do ano, as vendas também retraíram 13,18 % contra igual período de 2013.

O segmento de ônibus cresceu 10,86% no mês de julho. Foram emplacadas 2.480 unidades, contra 2.237 em junho. Na comparação com o mesmo mês de 2013 (3.144), o segmento teve queda de 21,12%. No acumulado, as vendas do segmento apresentaram baixa de 12,50% sobre 2013.

Os setores de caminhões e ônibus, juntos, apresentaram crescimento de 15,72%, no comparativo entre junho e julho, e baixa de 18,52% na comparação com julho de 2013. No acumulado, a retração foi de 13,06% para os dois setores somados.

O segmento de duas rodas registrou alta de 16,51% em julho, no comparativo com junho, passando de 121.019 unidades para 103.871 em julho. Em relação ao mesmo período de 2013 (134.202), o setor apresentou retração de 9,82% e, no acumulado, a queda chegou a 4,96%.

Implementos Rodoviários: Foram vendidas 4.727 unidades em julho, contra 4.542 em junho. Este valor representa alta de 4,07% entre os dois meses. Em relação a julho do ano passado, o segmento apresentou retração em 29,31% e, no acumulado do ano, houve queda de 12,97% sobre 2013.

Outros – Outros veículos, como carretinhas para transporte, cresceram 27,20% ao comparar os meses de junho e julho. Se comparado a julho de 2013, o crescimento foi de 3,64%. No acumulado do ano, houve alta de 5,50%.

Tratores e Máquinas Agrícolas – Estes segmentos cresceram 13,49% no mês passado. Foram vendidas 6.126 unidades, contra 5.398 em junho. Na comparação com o mesmo período de 2013 (6.841 unidades), os segmentos registraram queda de 10,45%. No acumulado do ano, houve retração de 1,27% para estes segmentos.

 

Fonte: Fenabrave

 

Discussion — No responses